quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Ode à Morena

Ode à Morena
O tempo passa mais lento,
e as estrelas parecem foscas,
estás longe para descontentamento...
- Pensamentos viajam em lembranças!
Tudo parece parado em sua ausência,
como se esperasse para haver animação;
como se a vida fosse a perfeição de sua existência.
- Ai! Saudades do teu sorriso que alegra o coração.
Lúcio Vérnon