quarta-feira, 24 de julho de 2013

Um Solitário



Havia um casulo no meio da escuridão,
apenas o silêncio acariciava os ouvidos,
enquanto de um outro lado, vagava,
distante e febril, em meio ao passado.

Não é engraçado o que faz o tempo?

Havia alguém onde ninguém viu.
um riso apalacado de amarelo,
olhos cansados de sorrisos,
e uma voz que esperava uma amiga.

Lúcio Vérnon